Projeto Novo: Robótica Bilíngue

Robótica e a programação são necessidades inerentes da sociedade atual.

A robótica educacional desenvolve o pensamento computacional necessário para "novas profissões". Propicia o desenvolvimento da criatividade, pois na programação há vários caminhos para realizar a mesma tarefa.

 

 

 

Benefícios da robótica para crianças


Todos os ramos de conhecimento contribuem de alguma forma para o aprendizado de crianças e adolescentes. No caso da robótica, não é diferente. Abaixo, listamos as seis principais habilidades que ela ajuda a desenvolver.

1. Raciocínio lógico
O robô é uma máquina desenvolvida e programada para responder a estímulos aos quais é submetida. Sua função é cumprir uma determinada ação de acordo com o comando dado, por isso, é fundamental que ele seja criado seguindo uma lógica.

É assim que a robótica para crianças ajuda no desenvolvimento do raciocínio. Afinal, é preciso que elas tenham uma visão completa do processo de criação, programação e resposta da máquina que está sendo elaborada. Ou seja, precisam pensar em qual é a melhor forma de construir comandos para o robô.

O estímulo do raciocínio lógico possibilita que crianças e adolescentes criem conexões mais complexas em seu cérebro. Com isso, eles encontram caminhos diferentes e soluções alternativas para resolução de problemas, de modo que isso se torna cada vez mais fácil.

2. Criatividade
O intuito do desenvolvimento de máquinas inteligentes é que elas cumpram funções para alcançar um determinado resultado ou suprir alguma necessidade. É por isso que a robótica para crianças também as ajuda a serem mais criativas e empreendedoras.

Isso pelo fato de que podem ficar livres para criarem um robô partindo do zero, segundo a sua própria ideia ou a necessidade que identificaram. Outra opção é incentivá-las a solucionar um problema previamente determinado com a criação de um robô.

Em ambas as situações, é preciso que elas desenvolvam o pensamento criativo para que possam projetar a estrutura da máquina, a forma como ela deverá se comportar e os comandos que receberá para cumprir as funções para as quais está sendo desenvolvida.

Nos dias atuais, ser uma pessoa criativa é essencial para ter um diferencial competitivo no mercado. Afinal, sair do “mais do mesmo” é importante para que novas soluções e inovações sejam apresentadas, de modo que se tenha um destaque frente aos demais.

3. Desenvolvimento de habilidades
A robótica para crianças promove um estímulo muito completo e complexo do campo cognitivo. É por isso que essa área também ajuda no desenvolvimento de diversas habilidades que serão muito úteis para as crianças durante o seu aprendizado e no futuro.

Já citamos o raciocínio lógico e a criatividade, mas o desenvolvimento de robôs também ajuda a melhorar a concentração, a atenção, a persistência e as habilidades interpessoais. Tudo isso porque um conjunto de competências é exigido para que seja possível ter um bom desempenho e alcançar os objetivos.

4. Senso de organização
Tudo o que se refere à tecnologia precisa seguir uma determinada ordem para que se consiga alcançar os resultados esperados. As ações devem ser realizadas conforme uma hierarquia para que nada acabe ficando para trás e um processo não seja colocado à frente do outro.

Por essa razão, a robótica para crianças e adolescentes também ajuda a desenvolver o senso de organização. Isso tanto para a criação e programação do robô, como também ao determinar aquilo que é tarefa de cada um. Afinal, geralmente esse trabalho é feito em equipe.

O desenvolvimento dessa habilidade permite que a criança tenha um comprometimento maior e desenvolva também a sua responsabilidade. Ela saberá como organizar o seu próprio dia a dia e as suas tarefas, o que impacta diretamente o seu aprendizado e a vida cotidiana.

5. Trabalho em equipe
Como dito, a robótica para crianças e adolescentes também estimula o trabalho em equipe, já que os projetos costumam ser desenvolvidos em grupos para que haja um melhor desempenho dos jovens. Essa habilidade é desenvolvida porque a criança precisa interagir com seus colegas. Assim, a cooperação é construída para que todos atinjam seu objetivo.

É fundamental que os integrantes saibam escutar as ideias alheias ao mesmo tempo em que expõem também as suas. Além disso, as tarefas são distribuídas de modo que um precisa ajudar o outro, assim, a comunicação é exercitada. Nessa interação, a criança precisa de paciência e disciplina para aceitar opiniões avessas às suas e respeitar cada um dos colegas.

6. Interdisciplinaridade
Além de todas as habilidades que já foram citadas, a robótica para crianças também favorece o aprendizado interdisciplinar de diversas áreas de estudo. Isso porque ela envolve temas pertencentes aos campos de:

física;
matemática;
ciências;
mecânica;
eletrônica;
engenharia etc.
Dessa forma, ao mesmo tempo em que o seu desenvolvimento cognitivo e social é estimulado, a criança também tem contato com diversas áreas de estudo. Essa é uma excelente oportunidade para que ela vivencie experiências diferentes e, quem sabe, encontre o ramo em que deseja atuar no futuro.

 

Com informações do site: happycodeschool 



Tags:

Notícias Relacionadas

OLÁ ALUNO(A).
ACESSE SUA CONTA!

OLÁ PROFESSOR(A).
ACESSE SUA CONTA!

ESQUECEU SUA SENHA?

Informe o seu RA e sua senha será enviada no e-mail cadastrado.

TOP